Município de Governador Edison Lobão adere à paralisação do dia 30 de agosto em protesto contra as reduções do FPM

Município de Governador Edison Lobão adere à paralisação do dia 30 de agosto em protesto contra as reduções do FPM

Está prevista para a próxima quarta-feira (30.ago.23) uma manifestação que ameaça parar as atividades das prefeituras de diversas cidades do país. O movimento visa chamar a atenção do governo federal e do Congresso Nacional para a situação financeira dos municípios. Uma das principais queixas dos gestores municipais é a redução do valor dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que é uma importante fonte de recursos das cidades brasileiras.

Considerando apenas o mês de agosto de 2023 e o mesmo mês do ano passado, a queda no valor repassado é de 19,91%. Vale ressaltar que a porcentagem já leva em conta a quantia prevista para o terceiro decêndio deste mês, de R$  2.991.628.432,04. O repasse deverá ser feito na próxima quarta-feira (30).

A Federação dos Municípios do Maranhão (FAMEM) informou que os gestores do estado decidiram, por unanimidade, aderir à paralisação nacional. O presidente da entidade, Ivo Rezende, chamou a atenção para a gravidade da situação, e destacou a importância da mobilização

O prefeito Geraldo Braga, confirmou que o município de Governador Edison Lobão, adere à paralização mantendo em funcionamento apenas os serviços essesnciais de saúde e limpeza.

Ascom

Related articles